Exatamente hoje começou a semana de moda em Milão com a coleção feminina outono inverno 2011-2012. Não é segredo que adoro a moda européia, sendo assim vejamos o que os estilistas italianos prepararam neste primeiro dia:

ELENA MIRò – Adorei não somente pelo reclame ao retrô, mas principalmente por mostrar mulheres curvilíneas, divas! Neste desfile não faltaram cintura marcada, longuetes, laços (é uma excelente idéia investir em blusas com ‘gravatas’ de laço), seda, renda, bolsas de mão … ai! Nem mesmo o terninho foi capaz de tirar o romantismo e até as toucas para proteger do frio eram glamurosas! Não existe uma grande variação de cores, nem mesmo o que eu chamaria de cores invernais, mas o corte elegante das roupas compensam. Quando eu crescer (rssss) quero ser assim!

 

PAOLA FRANI – Clássica. A mulher para Frani pode vestir tendência como a famosa capa e ainda continuar clássica! Preto, branco, vermelho e um pouco de tom terroso e pastel. Nunca pensei em macacão para o frio, mas começarei a considerar a idéia!

ROCCOBAROCCO – Cor, ou melhor, cores! Cores da bandeira italiana: verde, branco e vermelho! Mas não é só, se vê muita estampa (um dual de cores) e o pied-de-poule (adorei a blusa de um ombro). Tecidos laminados como eu adoro ver, sem deixar de mencionar na blusas fofas de chifon (todas escuras, mas ainda sim fofas), tiara com big adereço  e nas ombreiras! Foi o encontro coeso entre o passado e o futuro! Quero djá o vestido de chifon e renda preto ou será uma maxi blusa preta de chifon e renda?

GUCCI – Sensual sim, vulgar nunca! Adorei! É possível ser sensual estando completamente (ou nem tanto, sic!) vestida… Sensual e elegante. Nada de monotonia, a mulher Gucci veste casaco de couro com estampa de animal, opulentos casacos de pelo, muita cor, transparência de tecidos esvoaçantes, botas de cano super altos, sobretudo de couro colorido, golas evidenciadas, super decotes. Claro que o classicismo glamuroso permanece com os chapéus, as calças pantalonas combinadas com maxi blazeres, blusas com ‘gravatas’ de laço, lenços, óculos. É Gucci!

JOHN RICHMOND – Mulheres plenas de pelo, couro, plumas… São glamour rockers, que vão a festas e também ao escritório vestidas com tailleur e terninho risca de giz! Belas roupas, belas combinações mas o cabelo foi que me impressinou. Sim! Mas talvez porque eu esteja pensando em mudar o corte (pensando…)! Adorei o vestido suéter marrom!

ALBERTA FERRETI – De fato, é um desfile em que se pode ver roupa e não a ausência de. Predomina os anos sessenta na forma e nas cores! Fui conquistada pelos os vestidos trapézio, sobretudo, botas de cano longuissimo aveludadas, pantalonas… Os vestidos de noite arrazaram! O que mais posso dizer? Adoro a época, adoro o conceito ‘vista-se’, adoro as cores fortes e cada tecido! Com certeza um dos meus favoritos!

KRISTINA TI – Pode parecer maluquice, porém me pareceu ver os estilos das blogeiras, cujos blogs leio frenquentemente, todos juntos naquele desfile. Tem um pouco de jovialidade, modernidade, mas também uma feminilidade classuda: vestido longo, plumas, transparência, tecidos com movimento, pantalona com cintura no lugar, aplicações de retalhos de tecidos, blusa jeans, tiaras, lenços no pescoço, super golas, suéteres, couro (até na blusa… tem na Zara)!  O desfile deixou claro, ao menos pra mim, que uma combinação elegante que nunca falha é: saia um pouco mais comprida, cintinho e uma blusa/camisa charmosa!

ANGELO MARANI – Uau, é difícil eu criticar, até mesmo porque não sou uma expert, porém tenho a minha autoridade para dizer o que gosto ou não. Então, here we go! Sim, foi aderido o hippie chic, mas em meio uma confusão (acredito que a idéia era de ressaltar a sobreposição para o outono inverno 2011/2012) se identifica diversos elementos que já conhecemos como colete de pelos, calça dourada, chapéus floppy, animalismo, meia com sandália, blusas com manga larga, as famosas capas, plissado, maxi saia, maxi cardigan. Enfim, ver diversos elementos que já se tem usado não me faz anotar nada na minha lista de novidades. Contudo, por outro lado, podemos tirar deste desfile novas idéias de combinação! Ademais, um viva para um desfile divertido e colorido (o laranja foi sensacional)!

N° 21 – Menos é mais, principalente quando se trata de retroceder no tempo! Adorei simples composições como saia lápis de cintura alta (com um tecido maravilhoso) e camisa de chifon, calça de alfaiataria e um suéter. Um desfile com cores sóbrias e tecidos laminados. Lindo!

FRANCESCO SCONAMIGLIO – Gostei mais quando não tentaram criar, não obstante o fato de ter amado os decotes! Sim, foco nos decotes e nos babados que os circudam! Vestidos justos e curtos e mini macacões mostram que para enfrentar o inverno a roupa não tem que ser necessariamente com cara de inverno! Adaptação é a palavra! Lindo o corte das calças alfaiataria que transpassam na parte da frente! Muito volume trabalhado dentro do conceito de flores.

JO NO FUI – Pelos, grandes fendas, luvas compridas, cropped e outras botas cano alto, decotes que deveriam definir a mulher burguese de outrora… Hã!? Enfim, adorei os momentos de sofisticação com cortes simples. Estou segura que as capas continuarão, bem como os coletes de pelo!

A Semana continua, amanhã (ou assim que puder) tem mais! Os desfiles favoritos de hoje foram os de Kristina Ti e de Alberta Ferreti.

Beijinhos, °ღ•ѕσяяιη∂σ ѕємρяє°ღ.

bloglovin