As vezes achamos que estamos dentro de um determinado estilo, mas não estamos. As vezes pensamos que aquela é a modelagem certa, mas não é. As vezes achamos que uma certo tipo de roupa apresenta somente uma faceta, porém possui várias. Bom, o botão revolting foi clicado e resolvi desmistificar, ao meu modo, algumas coisas que estão me incomodando.

Com isso, crio agora uma nova categoria: Nem Tudo o Que Reluz… E assim poderemos descobrir juntos o que é, o que não é e o que poderia ser ou não! E hoje venho aqui para dizer que nem todas as listras no seu visual o caracterizam como Navy.

Tradicionalmente falando, a verdadeira camisa listrada usada por pescadores e marinheiros da época é uma camisa branca folgada com listras pequenas e decote canoa e foi “fashionizada” por Coco Chanel na década de 20. Desde então o mundo passou a conhecer e aderir a eterna combinação branco azul e vermelho e a peça clássica ganhou novas leituras com novas cores e novos tamanhos de listras em novas modelagens. Porém, não devemos nos enganar e pensar que: usou listra é Navy e nada mais! Afinal, com um pouco de criatividade podemos fazer das listras outro estilo qualquer. O meu foi rocker navy, e o teu?

Agora, a bem da verdade, algumas listras, com ajuda de cores e broches com detalhes em dourado, são bem tendenciosas. Fica difícil fugir!

Desabafo feito, estou mais leve!

Beijinhos, °ღ•ミ★ѕσяяιη∂σ ѕємρяє★彡°ღ.

bloglovin